Comprar apartamento na planta: o que saber
Voltar para o blog

Comprar apartamento na planta: o que saber


Você está pensando em comprar um apartamento na planta e ficou em dúvida em relação a este tipo de imóvel? Não se preocupe, o tema do blog de hoje ajudará você a ver os prós e contras desta modalidade!


Vantagens de adquirir um imóvel na planta:

  • Acabamento novo: ao adquirir um imóvel na planta, você será o primeiro a utilizá-lo, e em função disso, o acabamento será “zerado” e os gastos com decoração serão menores; 
  • Valorização do imóvel: se por ventura, após o término da obra, você desejar vende-lo, o valor da avaliação será em torno de 20% maior do que o valor da aquisição;
  • Sem preocupações com reformas: com a compra de um imóvel na planta você não terá dores de cabeça, considerando que foi construído recentemente, dispensando reparos no próprio apartamento e no edifício. 


Desvantagens de adquirir um imóvel na planta

  • Atraso na entrega: obras podem causar alguns transtornos, interferindo no prazo de entrega do imóvel, por falta de material, greve no setor, questões climáticas, ou por qualquer outra situação. Geralmente os contratos preveem 180 dias de tolerância, o qual ultrapassado, acarretará à Construtora o dever de pagamento de aluguel mensal;
  • Expectativa x Realidade: embora você tenha acesso aos folders e plantas do empreendimento, por vezes é difícil imaginar como será a apresentação do imóvel após o término da construção, o que poderá frustrar a sua expectativa. Contudo, a maioria das Construtoras tem ferramentas que permitem aproximá-lo ao máximo possível da realidade;


FIQUE ESPERTO, para evitar problemas na compra de imóvel na planta e estar seguro em relação a sua escolha, nos procure para que possamos auxiliá-lo com todos os trâmites e orientá-lo da melhor forma para a realização do seu sonho!

Outros posts

  1. Riscos do aluguel direto entre locatário e locador

    Riscos do aluguel direto entre locatário e locador

    Você já deve ter ouvido falar de pessoas que optam locar um imóvel diretamente com o proprietário, sem a assistência de uma imobiliária especializada. Muitas vezes dita preferência visa diminuir os cu...

  2. QUEM PAGA O IPTU? LOCADOR OU LOCATÁRIO?

    QUEM PAGA O IPTU? LOCADOR OU LOCATÁRIO?

    Novo ano, novas responsabilidades. Com o início de um novo ano, sabe-se que logo, logo, iremos nos deparar com a cobrança do IPTU (Imposto sobre Propriedade e Predial e Territorial Urbano).  ...

  3. Locação para temporada

    Locação para temporada

    Além das espécies de locação usuais (residencial e não-residencial), a Lei de Locações abriga outra modalidade locatícia, a locação para temporada, regulada pelo art. 48 da Lei 8.245/91, que se volta...

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência.

Imobiliária Cruzeiro

(55) 99972-6245